Rosy sobre acertinho “Não aceitaria migalhas e nem milhões”

Publicado em 25/11 às 09:27 hs.

A Vereadora Rosemary de Souza Prado (DEM), conhecida como representante do “campo e da cidade”, refutou na última terça-feira (23), comentários sobre suposto “acertinho” durante reunião com a empresa VIP Leilões. Prado disse que foi eleita para representar o povo e que em hipótese alguma se venderia, “Tive que escutar até algumas piadinhas Eucaris (Vereadora), que realmente nós tínhamos recebido dinheiro pra não deixar a imprensa participar. Jamais aceitaria migalhas e muito menos se fosse milhões. Pra certo sitezinhos que falaram que os Vereadores desta casa de Leis estariam recebendo dinheiro, eu gostaria que provasse. Falaram que Vereadores desta casa estariam recebendo dinheiro, gostaria que provasse, que está casa de Leis é séria, comprometida com a população de Várzea Grande. Na realidade têm alguns site aí, que eu acho que realmente deve saber como acontecem essas negociações  por que eu não tenho conhecimento”. No discurso, a parlamentar se esquivou de citar quais “sitezinhos” acusou os nobres parlamentares, também não revelou qual deles entenderia de “acertos”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *