Ar seco perde força no MS e no sul de MT

Condições de chuva aumentam em Campo Grande e Cuiabá no fim de semana

Neste sábado (25), um sistema de baixa pressão no Paraguai estimula a descida de umidade do Norte do Brasil e colabora para espalhar e aumentar a nebulosidade e as condições de chuva no Mato Grosso e na maioria das áreas de Mato Grosso do Sul.

O predomínio será de sol em todo do Centro-Oeste do país. No extremo sul e no oeste de Mato Grosso do Sul, no leste de Goiás e no Distrito Federal, a influência do ar seco inibe a formação de nuvens de chuva. Por isso, não há expectativa de chuva em Brasília, Ponta Porã e Corumbá. Em Campo Grande, a previsão indica o retorno das pancadas de chuva, mas ainda de forma passageira isolada.

Nas demais áreas da Região, o sol aparece e a partir da tarde as condições são favoráveis a pancadas de chuva isoladas de moderada a forte intensidade com raios e rajadas de vento, inclusive em Cuiabá e Rondonópolis.

Foto de Camila LehmKuh, Campo Grande (MS)

 Como está #otempodajanela aí? Participe!

Ar seco ganha força no DF e GO

No domingo (26), o ar seco ganha força e se espalha por Goiás, Distrito Federal, leste de Mato Grosso e sudeste de Mato Grosso do Sul. Será um dia de muito sol e calor estas áreas. 

Nas demais áreas Mato Grosso do Sul, inclusive em Campo Grande, as condições em relação a sábado são maiores para pancadas de chuva moderadas a fortes acompanhado de raios e rajadas de vento.

Produtores e as orientações sobre o novo coronavírus/covid-19

Ainda no domingo, o calorão e a alta umidade vão predominar sobre a maior parte de Mato Grosso. As nuvens carregadas se formam e há previsão de pancadas de chuva de até forte intensidade em alguns momentos, mas de form isolada.

Alimentação saudável para vencer a quarentena e a covid-19

De acordo com os meteorologistas da Climatempo, a tendência para segunda-feira (27), é da diminuição da nebulosidade e a chuva em quase todo o Centro-Oeste. Isso irá permitir um maior número de horas com sol forte em todos os estados da Região. A população vai sentir mais calor, principalmente nas horas mais quentes do dia.

Leia também: Chuva de abril supera a média em Brasília,  Goiânia e em Campo Grande.

Leia Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *