Com show no Rival, Isabella Taviani festeja carreira e gravidez de gêmeos ao lado da mulher

Isabella Taviani se apresenta no Teatro Rival
Isabella Taviani se apresenta no Teatro Rival Foto: Divulgação

Lá se foram 15 anos desde que Isabella Taviani pisou nos palcos dos bares da noite carioca mostrando sua potente voz e seu violão afinado. De lá para cá, ela coleciona sucessos, público crescente e, para festejar o momento, se apresenta sábado (8) no Teatro Rival Petrobras, com a turnê “Só eu e você”. O show, aliás, é também uma celebração ao espaço, que completou 85 anos este ano.

“Feliz demais com a casa cheia para cantarmos lindamente”, celebrou ela, de 50 anos, para falar dos 15 de carreira: “Passou tão rápido e, ao mesmo tempo, foram tantos e tantos momentos importantes! Esse show é a minha forma de comemorar! A hora de dizer ´Muito obrigada´ cantando as canções que as pessoas escolheram como parte da trilha sonora delas! E isso é uma enorme alegria e responsabilidade!.

Taviani caiu nas graças do público já no primeiro álbum com a canção “Foto polaroid”, com versos que diziaam “Mas eu aqui, eu aqui morrendo, Desaparecendo, como uma foto de Polaroid”. Desde então, foram sete lançamentos entre CD’s e DVD’s. Os ingressos para o show já estão esgotados.

Outro motivo de alegria para a cantora é a maternidade. Ela e a mulher, Myllena Gusmão, de 40 anos, estão grávidas de gêmeos. São dois meninos: Ignácio e Estevão! As crianças estão sendo geradas pela mulher da cantora, que é médica, cantora e musicista. As fotos postadas no Instagram dela são sempre celebradas por amigos famosos, como Zélia Duncan e Fátimas Bernardes, por exemplo, e muitos fãs.

“Agora somos quatro”, alegrou-se.

Myllena Gusmão explicou aos internautas, numa postagem no Instagram, o motivo de ter exposto a gravidez somente agora:

“Foram 3 meses e meio de enjôo, para não dizer “sensação de ressaca da brava”, ininterruptos! Quase 5 meses evitando fotos e postagens até que os pequenos estivessem firminhos. Uma sensação de preocupação permanente com tudo que nem pensamos no dia a dia: alimentação ideal, abandono completo de toda e qualquer medicação (a não ser água gelada, orações e tylenol), exercícios adequados, descanso adequado, peso adequado, sono adequado…Ufa! E tuuuudo isso valeu mais do que a pena para que nós todos aqui recebêssemos tanto carinho nas mensagens e em cada olhar. Quantas vezes quis sair de casa e precisei me poupar? Quantos shows da MamIsa tivemos que perder para descansar? Quanta vontade de gritar para todo mundo: tem gente aqui! E tivemos que calar! Mas, ser mãe é trocar o verbo vital respirar por amar. Para quem não sabe, Myllena é um nome sérvio que significa amorosa. Mas penso que a “galera” lá de cima achava que eu merecia amar mais… E mandou dois coraçõezinhos para abrigar em 3, o que explodiria meu solitário coração!”

Leia Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *