“Engenharia” da corrupção; 15 são denunciados pelo MP em VG

Publicado em 02/12 às 21:29 hs.

Caso a Justiça acate denúncia oferecida pelo Ministério Público de MT, 15 pessoas responderão pelo crime de improbidade administrativa por suposto desvio de dinheiro público, detalhe, o órgão ministerial identificou que o mecanismo de corrupção ocorreu na Prefeitura de Várzea Grande, dentre os acusados destacam-se, os ex-prefeitos Walace Guimarães e Lucimar Campos e o atual Vereador pelo Democratas, Pablo Pereira, que na época respondia pela Secretaria de Administração do município. “Ademais, o Centro de Apoio Operacional (CAOP/MPMT) realizou outra perícia técnica, com conclusão em 15/09/2021, pelo qual apurou -se que parte dos projetos elaborados pela requerida Schuring & Schuring Ltda. sequer foram utilizados pelo município de Várzea Grande, enquanto outras obras não foram executadas a partir dos projetos”, diz trecho da acusação. Veja outros citados : Luiz Celso Moraes, os ex-secretários de Administração Celso Alves Barreto Albuquerque, Vivian Danielle de Arruda; os fiscais de contrato Marcela Godoi Trettel, Hércules de Paula Carvalho, Marcus Vinícius Silva e Rezende, Clóvis Pereira Mendes Filho, Jaderson Diego Figueiredo, Paulo de Lima Pereira, Alan Toshiaki Sato, Cleiton Rodrigo da Costa Arruda, Claudenir Tomas Júnior e Gastão Rosa de Souza Filho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *