EXCLUSIVO: JAYME TEM RAZÃO, AUDITORIA APONTA DESVIOS DE WALACE

DA REDAÇÃO

PEDRA FALOU REALIDADE

O Secretário de Assuntos Estratégicos de Várzea Grande, não ficou somente em falácias e discursos ao acusar fortemente o ex Prefeito de Várzea Grande, Walace Santos Guimarães, de ter utilizado indevidamente dinheiro público para construções das unidades de PSF (Programa Saúde da Família).

Após um intenso debate ao vivo, realizado pelo programa  POP SHOW, da BAND TV, a população ficou a mercê da realidade verdadeira entre os acusadores, o Site OEMPALADOR, em material divulgado neste portal, opinou que o Ex Prefeito Walace Guimarães, utilizava-se somente da palavra “SENSIBILIDADE”, enquanto o Ex Senador desforrava uma sereia de acusações.

O Site OEMPALADOR, na busca de informações oficiais, obteve com exclusividade Laudos Periciais realizados pela empresa Shuring & Shuring Ltda, que após vistorias nos locais, apresentou relatório fotográfico e análise de planilhas, medições e das notas fiscais atestadas e pagas, vindo a apurar os fatos, a identificar os responsáveis e a quantificar o dano ao erário depois de minuciosa investigação, tudo devidamente detalhado e documentado na relatório de auditoria.

VEJA ABAIXO TRECHOS DA AUDITORIA INDIVIDUALIZADOS DE CADA UBS :

no tocante ao Lote 1 – UBS Residencial Noise Curso, o preço ajustado no contrato é de R$ 352.100,00 (trezentos e cinquenta e dois mil e cem reais) e o prazo de conclusão da obra de 305 dias a partir da Ordem de Serviço, tendo sido verificado que foi pago o montante de R$ 283.462,53, quase a totalidade do valor contratado (81,51%), no período de 9.9.2013 a 25.7.2014, conforme notas fiscais 39, 48, 57, 64, 69, 70, 75 e 83, embora tenham sido executados apenas 37,70% das obras, dando origem a um saldo devedor pago a maior no importe de R$ 150.691,24, que atualizado atinge R$ 192.006,51.

Com relação ao Lote II – UBS Santa Izabel I, o preço ajustado no contrato é de R$ 352.140,00 (trezentos e cinquenta e dois mil, cento e quarenta reais) e o prazo de conclusão da obra de 305 dias a partir da Ordem de Serviço, tendo sido verificado que foi pago o montante de R$ 308.143,46, equivalente a 87,51, no período de 9.9.2013 a 3.9.2014, conforme notas fiscais 40, 47, 54, 63, 71, 72, 76, 81 e 86, embora tenham sido executados apenas 43,03% das obras, dando origem a um saldo devedor pago a maior no importe de R$ 156.640,47, que atualizado atinge R$ 196.850,29.

Quanto ao Lote III – UBS 24 de Dezembro, o preço ajustado no contrato é de R$ 403.000,00 (quatrocentos e três mil reais) e o prazo de conclusão da obra de 305 dias a partir da Ordem de Serviço, tendo sido verificado que foi pago o montante de R$ 257.250,74, equivalente a 80,50%, no período de 9.9.2013 a 3.9.2014, conforme notas fiscais 41, 50, 55, 59, 84 e 85, embora tenham sido executados apenas 37,70% das obras, dando origem a um saldo devedor pago a maior no importe de R$ 90.078,17, que atualizado atinge R$ 114.473,46.

Por fim, com relação ao Lote IV – UBS Ouro Verde II, cujo preço ajustado no contrato é de R$ 396.500,00 (trezentos e noventa e seis mil e quinhentos reais) e o prazo de conclusão da obra é de 305 dias a partir da Ordem de Serviço, verificou-se que foi pago o montante de R$ 423.097,48, no período de 9.9.2013 a 3.9.2014, conforme notas fiscais 49, 53, 66. 73, 74, 77, 82 e 87, tendo sido executado 100% da obra, todavia com valor total maior, dando origem a um saldo devedor pago a maior no importe de R$ 71.297,84, que atualizado atinge R$ 89.773,92.

Cabe agora, ao Ex Prefeito Dr. Walace Guimarães, demonstrar com feitos oficiais, algumas “leves” acusações que disparou contra o Secretário de Assuntos Estratégicos.

 

 

 

2 comentários em “EXCLUSIVO: JAYME TEM RAZÃO, AUDITORIA APONTA DESVIOS DE WALACE

  • 16 de agosto de 2017 em 09:44
    Permalink

    Se realmente houve o desvio de todo esse montante o sr Jayme e conivente pq os responsáveis por esses projetos são mantidos por ele ate hoje na sec de obras senhores Olindo Pasinato e Manoel Tereza capitaneados pelo amigo do rei sec Luiz Celso , ou ele não tem gente competente para substitui-los?

    Resposta
  • 16 de agosto de 2017 em 22:43
    Permalink

    E a obra do hospital Central?
    Ele lembra?

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *