Marcelo vai falar com Costa sobre o Benfica

O primeiro ministro disse este domingo que este não é uma assunto relacionado com política, Presidente da República não comenta, mas diz que vai falar com ele na audiência que têm esta semana.

i

António Costa e Marcelo Rebelo de Sousa

Rui Oliveira/Observador

António Costa e Marcelo Rebelo de Sousa

Rui Oliveira/Observador

O primeiro-ministro António Costa disse este domingo que a sua presença na Comissão de Honra de Luís Filipe Vieira, que se vai recandidatar à presidência do Benfica, é “um assunto que não tem nada a ver com a vida política”. Ainda assim o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, quer falar com ele sobre isso.

Durante uma visita a Alcoutim, este domingo no Algarve, os jornalistas perguntaram ao Presidente: “Sei que é um adepto fervoroso do Sporting Clube de Braga. Se António Salvador [presidente do Braga] fosse candidatar-se amanhã aceitaria integrar a sua comissão de honra?”, cita o Público.

Marcelo respondeu: “Isso é uma maneira subtil de querer saber a minha opinião sobre a posição do primeiro-ministro relativamente às eleições do Benfica. O que eu sei é através da comunicação social e o que eu ouvi foi a explicação do senhor primeiro-ministro dada na comunicação social. Só saberei mais na audiência [com Costa] daqui por uns dias”, disse.

Costa recusa comentar apoio a Vieira. “É um assunto que não tem nada a ver com a vida política”

O Presidente da República disse ainda que “o que se trata aqui é de uma situação concreta, envolvendo um titular de um órgão de soberania, um clube de futebol, um ato eleitoral de um clube de futebol, em determinadas circunstâncias, num contexto político e jurisdicional também determinado”. “São muitas componentes para se fazer teoria abstrata”, disse.

Já à TVI, à noite, esclareceu que o que sabe, sabe apenas pela comunicação social, pelo que não vai fazer “especulações”.

Não tive ocasião de falar com o senhor primeiro-ministro sobre a matéria. Poderei ou não falar subsequentemente, nomeadamente porque há sempre uma relação semanal à quinta-feira, é habito em Belém uma audiência ao primeiro-ministro”, apontou.

Novamente questionado pela TVI sobre se voltaria a fazer a parte da comissão de honra de um candidato à presidência de um clube — António Salvador, do Sporting de Braga — agora que tem um cargo político, respondeu: “É uma maneira hábil de perguntar a mesma coisa da mesma forma. Como a minha ideia é não comentar, se respondesseestaria a fazer o contrário do que disse que é: não vou comentar”.

Leia Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *