Não é nada, não é nada, é Nadal! – Outracoisa

Via em casa o jogo entre o espanhol Rafael Nadal e o russo Daniil Medvedev.

Já estava no terceiro set, com Nadal à frente, depois de ter feito 2 a 0, em jogo equilibrado, mas com ele prevalecendo na hora agá.

O terceiro ia no mesmo diapasão e eu tive que sair para jantar com um amigo.

Fui sem ter nenhuma dúvida sobre o 3 a 0 final.

Quando cheguei em casa e abri e fui ver quanto tinha sido CSA e Chapecoense, descobri que a final do US Open não havia acabado.

Estava 5 a 2 para Nadal no quinto set!

Surpreso, sentei para ver a vitória final.

E vi o russo quebrar o serviço do Touro.

E vi o moscovita de 23 anos fazer 4 a 5.

Parecia impossível num jogo que já levava mais de 4 horas e 45 minutos e demorou mais seis para acabar com o 6/4 de Nadal.

Que não é nada, não é nada, é tudo, é Rafael Nadal, 33 anos, 19 vezes campeão em torneios do Grand Slam, apenas um a menos que o monstro suíço Roger Federer.

O domingo esportivo que começou tão bem com o Cebolinha do Grêmio terminou com chave de ouro com “El Toro de Manacor”.

Leia Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *