Polícia Civil identifica homem que ejaculou em criança em loja dentro de shopping

O homem suspeito de ejacular em uma criança dentro de uma loja no shopping de Várzea Grande foi identificado pela Polícia Civil, na quarta-feira (14.10), em investigações realizadas pela Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, Criança e Idoso do município (DEDMCI-VG). O suspeito, de 30 anos, foi interrogado e confessou o crime.

O fato ocorreu no sábado (10.10) em uma loja de departamento do shopping. A vítima estava no setor de bonecas, quando o suspeito se aproximou com o órgão genital nas mãos e em seguida ejaculou atingindo a menina. A mãe da criança procurou a segurança do shopping e registrou o boletim de ocorrência na DEDMCI-VG, que imediatamente iniciou as diligências para identificar e localizar o suspeito.

Com a verificação das imagens do circuito interno de segurança do shopping foi possível chegar a identificação do autor do assédio, que foi localizado na quarta-feira (14), em seu local de trabalho em um frigorífico em Várzea Grande.

Ele foi conduzido a DEDMCI-VG, onde foi interrogado pela delegada, Mariell Antonini Dias, e confessou a autoria os fatos. Por não estar em situação de flagrante, o suspeito foi liberado após o interrogatório e responderá em inquérito policial pelo crime de importunação sexual.

3 comentários em “Polícia Civil identifica homem que ejaculou em criança em loja dentro de shopping

  • 16 de outubro de 2020 em 15:29
    Permalink

    Que absurdo Juíza vc ter liberado este malandro, se ele confessou, deveria estar preso, será que se tivesse acontecido com sua filha vc teria soltado este camarada?

    Resposta
  • 16 de outubro de 2020 em 15:33
    Permalink

    Delegada Mariell estou indignado da mesma soltar este cara, sou pai de 02 meninas me coloco no lugar dos pais desta garota e vc soltar este malandro, queremos JUSTIÇA!!!! Prisão!!!

    Resposta
  • 16 de outubro de 2020 em 15:58
    Permalink

    Essa Delegada não é humana por ter soltado este homem, com certeza não é mãe, não tem filhas, que absurdo soltar um tarado

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *