Publicidade

Na tarde desta terça-feira (12), a Polícia Militar se deslocou até a escola Estadual Aluízio Ferreira, onde havia um caso de falsidade ideológica.

Acontece que estava tendo uma avaliação da disciplina de matemática, e havia uma aluna diferente na sala, foi perguntado seu nome e ela disse ser uma pessoa, porém, estava se passando por outra.

A garota que estava na sala fazendo a avaliação é estudante da Escola Estadual 31 de março, e a pedido da amiga que estava tendo dificuldade em matemática foi fazer a avaliação em seu lugar.

Os pais foram chamados e também se fez presente o conselho tutelar. Mas a história foi parar na Unisp. isso caracteriza crime de falsidade ideológica.

Com informações, Markinhos Nery

Imagem ilustrativa

Read More

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.