Publicidade

Você está na Edição Brasil. Para acessar edições de outras regiões, clique aqui.
O técnico do São Paulo pediu para a diretoria não vender os atletas por baixo valor (4:05)
Principal nome do São Paulo na temporada 2022, Jonathan Calleri deverá permanecer em defintivo no Morumbi para o futuro. De acordo com informações apuradas por André Plihal, apresentador dos canais Disney, o clube comunicará o Deportivo Maldonado, do Uruguai, a respeito da compra do atleta.
O time brasileiro seria obrigado a adquirir Calleri em definitivo quando o centroavante atingisse uma meta de disputar 90 minutos em 30 partidas ou 2.700 minutos distribuídos ao longo das partidas.
Além de todo o conteúdo ESPN, com o Combo+ você tem acesso ao melhor do entretenimento de Star+ e às franquias mais amadas de Disney+. Assine já!
A meta foi atingida no empate por 1 a 1 contra o Corinthians, no último domingo (22), na Neo Química Arena. Ainda de acordo com o apresentador, a forma de pagamento da compra também estava estipulada previamente. O acordo entre as partes será de três anos.
O São Paulo pagará 1 milhão de dólares, cerca de R$ 4,8 milhões, por ano até 2025, o que totalizará um valor de 3 milhões de dólares, algo em torno de R$ 14,4 milhões. O clube brasileiro ficará com 100% dos direitos federativos e 70% dos direitos econômicos. O anúncio oficial acontecerá entre quinta e sexta-feira (27).
Alvinegro e o Tricolor empataram em 1 a 1 na Neo Química Arena
Desde que deixou o Osasuna e retornou ao São Paulo, Calleri tem 42 partidas e 20 gols marcados. Neste ano, o argentino é o artilheiro isolado da equipe com 15 gols marcados em 26 confrontos.
Classificado para a próxima fase da Conmebol Sul-Americana e no terceiro lugar do Campeonato Brasileiro, o São Paulo retorna a campo nesta quarta-feira (25), diante do Ayacucho, do Peru, pela competição continental, às 19h15, no Morumbi.
No F90, comentarista opinou sobre o empate por 1 a 1

source

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.