Publicidade

Foto: Fabio Rodrigues-Pozzebom/Agência Brasil

<p>O Espírito Santo vive a 5ª onda de casos de covid-19. A informação foi confirmada secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes, durante coletiva de imprensa no início da tarde desta quarta-feira (22). </p>
<p>Segundo Nésio, 50% das internações provocadas pela doença no Espírito Santo, são de crianças com até quatro anos de idade, faixa etária que ainda não é contemplada pelas vacinas disponíveis contra a covid-19.</p>
<p>"Entre os não vacinados que internaram com covid-19, tivemos 50% do total na faixa etária de 0 a 4 anos, ainda não contemplados por vacinas autorizadas. Neste momento, considerando o impacto da cobertura vacinal nas outras idades, representa um alerta que motivou o Conass a formalizar na Anvisa a urgência na aprovação imediata de vacinas para crianças em idades ainda não contempladas. Temos a Coronavac já aplicada em crianças, a da Moderna nos EUA e o MS avança nas negociações. As crianças merecem ser protegidas", pontuou o secretário.</p>
<p>Leia mais: &gt;&gt; <a href="https://www.folhavitoria.com.br/saude/noticia/06/2022/covid-19-es-amplia-postos-de-testagem-na-grande-vitoria-saiba-onde">Covid-19: ES amplia postos de testagem na Grande Vitória. Saiba os locais</a></p>
<p>Nessa nova e atual expansão vivida em território capixaba, os casos duplicaram a cada 14 dias – em abril e maio. Após esse período, passaram a duplicar a cada 7 dias até a primeira quinzena de junho. Já na última terça-feira (21), em apenas 24 horas, segundo o secretário, o Espírito Santo saltou de 2.000 para quase 4.000 casos notificados.</p>
"O comportamento da fase de aceleração da curva pode assumir, nesta e na próxima semana, uma fase de aceleração de crescimento semelhante a que vivemos no início do ano. Mas não acreditamos que assumirá as mesmas proporções da chegada da Ômicron".
<p>Durante a coletiva, o secretário disse que o Estado pode alcançar nessa semana o patamar equivalente às quantidades máximas de casos que foram registrados nas semanas mais críticas das 1ª, 2ª e 3ª ondas, com exceção, apenas, da última onda. "Poderemos ter mais de 18 mil casos confirmados nesta semana, o que deve representar a 2ª semana epidemiológica mais grave", destacou.</p>
<h3>ES não registrou óbitos em idosos com 4ª dose nos meses de abril e maio</h3>
<p>Ainda sobre os resultados da vacinação no Estado, Nésio Fernandes disse que não foram localizados óbitos em idosos que receberam a 4ª dose contra a covid-19.</p>
<p>"Não foram localizados óbitos em idosos com 4ª dose, ao longo de abril e maio. Nós tivemos dois óbitos em idosos que já tinham recebido a 4ª dose, no entanto, não se considera a aplicação da última, porque adoeceram nos dias seguintes à aplicação. Ainda não havia tempo para o efeito esperado. Considerando esse critério de exclusão, não tivemos óbito nos mais de 300 mil vacinados em maio. Temos dados suficientes para evidenciar que as vacinas disponíveis são seguras e eficazes".</p>
<p>LEIA TAMBÉM: <a href="https://www.folhavitoria.com.br/saude/noticia/06/2022/secretario-de-saude-do-es-atualiza-informacoes-sobre-a-covid-19">&gt;&gt; Casos de covid-19 dobraram em 24h no Espírito Santo, diz secretário</a></p>
<p><a href="https://www.folhavitoria.com.br/saude/noticia/06/2022/teste-de-equilibrio-indica-se-uma-pessoa-corre-maior-risco-de-morte-diz-estudo">&gt;&gt; Teste de equilíbrio indica se uma pessoa corre maior risco de morte, diz estudo</a></p>
<p><a href="https://www.folhavitoria.com.br/saude/noticia/06/2022/quem-tomou-dose-da-janssen-deve-receber-reforco-tire-suas-duvidas-sobre-as-vacinas-contra-covid-19">&gt;&gt; Quem tomou dose da Janssen deve receber reforço? Tire suas dúvidas sobre as vacinas contra covid-19</a></p>
source

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.