Publicidade

Poucas de minhas opiniões sobre personagens de filmes são mais fortes que minha visão de que Miranda Priestly, a exigente editora-chefe de uma revista de moda em “O Diabo Veste Prada”, é na realidade a heroína da história.
Leia mais (08/03/2022 – 04h00)
source

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.