Publicidade

Um supermercado foi condenado a indenizar uma consumidora que se machucou após escorregar em uma poça de iogurte derramado no chão.

Segundo a mulher, ela foi ao Atacadão Dia a Dia em janeiro deste ano e, após cair na poça, ficou mais de 40 minutos deitada no chão até que fosse socorrida e levada ao Hospital de Base.

Ela ainda conta que, por conta do acidente, machucou o braço direito, que precisou ficar imobilizado. Com isso, ela precisou parar de realizar as tarefas diárias.

Sendo assim, ela pede indenização pelos danos morais sofridos e o ressarcimento dos gastos com medicamentos, transporte e diária com técnica de enfermagem.

Em sua defesa, o supermercado alega que não possui culpa do evento, já que a mulher teria caído por descuido. A empresa ainda diz que as notas apresentadas como prova não possuem relação com o acidente e que não há dano moral a ser indenizado.

Ao analisar o caso, o magistrado observou que, com base nas provas do processo, “houve falha na prestação do serviço ao não acondicionar o produto da forma correta e segura em suas prateleiras”. O magistrado lembrou que era obrigação do supermercado garantir aos consumidores um local seguro para transitar.

No caso, segundo o magistrado, a autora deve ser indenizada pelos danos sofridos. “A queda causada pela falha na prestação do serviço que causou a queda da autora e a fratura do úmero do seu braço direito, a grande dor sofrida em razão da grande lesão no osso, os remédios administrados, o tempo para se recuperar e a limitação de locomoção e de autonomia para o dia-a-dia da consumidora são fatos importantes e essenciais para a comprovação do alegado dano moral e, evidentemente, extrapola o mero aborrecimento, e dá ensejo à indenização”, registrou.

Dessa forma, o supermercado foi condenado a pagar à autora as quantias de R$ 10 mil, a título de danos morais, e de R$ 7.122,95 pelos danos materiais.

O post Idosa será indenizada por cair em poça de iogurte apareceu primeiro em Jornal de Brasília.

source

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.