Publicidade

Por Tereza [email protected]

Em ação de repressão ao tráfico de crack na região da Asa Sul, a Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) prendeu, nesta terça-feira (26), dois traficantes de drogas na área comercial da quadra 307 Sul.

Em razão de denúncias contínuas por parte de moradores e comerciantes da região, policiais da 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul) deram início às investigações e conseguiram identificar e prender em flagrante dois moradores de rua que comercializavam crack na localidade.

“Após o recebimento de diversas denúncias dando conta da venda e uso de crack por moradores de rua na comercial da 307 Sul, passou a realizar monitoramento de inteligência no local”, afirma o delegado Maurício Iacozzilli, responsável pelas investigações.

Um dos usuários trocou uma caixa de leite por pedra de crack, segundo imagens as quais o Jornal de Brasília teve acesso. Além dos traficantes, outros dois moradores de rua foram autuados por uso e porte de drogas.

Após as providências legais, os acusados foram encaminhados à carceragem da PCDF, onde devem ficar à disposição do Poder Judiciário.

Ações de repressão ao tráfico de Crack

Há cerca de cinco dias, policiais da 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul), prenderam um homem de 32 anos e um homem de 39 , ambos moradores de rua, por comercializar drogas para outros moradores na comercial da 307 Sul.

Outros três moradores de rua foram conduzidos à DP, identificados e autuados por porte de drogas para consumo pessoal e também por porte de arma branca. Com os traficantes foram apreendidas diversas porções de crack, dinheiro trocado proveniente do tráfico da droga, seis facões, ferramentas utilizadas em furtos e bicos de cobre provavelmente produtos de furto.

O post Na Asa Sul morador de rua troca caixa de leite por pedra de Crack apareceu primeiro em Jornal de Brasília.

source

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.