Publicidade

Policiais do 1º Batalhão impediram uma mulher de se jogar da Ponte Sérgio Motta, na manhã de último domingo (10.04), na Capital. Familiares da mulher foram localizados e levaram a vítima já calma para casa.

A equipe da Polícia Militar foi informada de que havia uma mulher muita angustiada, aparentando que iria se atirar da ponte. De imediato, os policiais chegaram ao local da ocorrência, e a equipe iniciou a verbalização com uma mulher intervindo por meio de palavras de conforto, oração e uma passagem bíblica para acalmá-la.

Um dos policiais chegou a fazer uma oração direcionada à mulher que acabou se acalmando. De acordo com o comandante do 1º BPM, tenente-coronel Reginaldo Aziz Ferreira, a rapidez da equipe e o acolhimento a mulher que estava agitada e em desespero foram essenciais para impedir uma tragédia.

“A ação dos militares foi de extrema importância obtendo êxito em convencer a vítima a desistir dessa terrível atitude, fizemos uma oração juntos, o nosso policial conversou com ela e graças a Deus, ela se acalmou. O nosso lema é “Servir e Proteger” qualquer cidadão de bem, conte sempre conosco”, relatou o comandante.

Uma funcionária do Centro de Atenção Psicossocial (CASP) esteve no local e ajudou os policiais militares a prestarem apoio à mulher, acionando familiares que a levaram para casa.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.