Publicidade

Os idosos que participam das oficinas e projetos sociais realizados no Centro de Convivência Vovô Zeid Sacre, surpreenderam a primeira-dama de Várzea Grande, Promotora de Justiça Kika Dorilêo Baracat, com programação festiva, com música e dança coreografada, para marcar a sua primeira visita ao local.

Segundo relatou a gerente da unidade social, Kelli Cristina da Silva Cavalcante, a visita da primeira-dama estava sendo aguardada pelos idosos, e a confirmação da agenda fez com que todos se mobilizassem para esse encontro. “Todos fizeram questão de participar das atividades e de mostrar que esse espaço de convivência é um ambiente humano e acolhedor”.

Kika Dorilêo Baracat disse que essa visita já estava programada, mas ela escolheu a semana da páscoa por ser um momento de comunhão e de renascimento. “Falei para a secretária de assistência que queria vir aqui nesta semana para comemorar a páscoa com vocês e sentir todo esse amor e carinho que a Ana Cristina disse que recebeu aqui, e que agora estou tendo a oportunidade de sentir também. Estou muito feliz e encantada com esse lugar, que o meu coração escolheu para conhecer nesta semana. Trago o abraço carinhoso do meu esposo Kalil Baracat, que deseja a todos uma feliz páscoa”.

Ela lembrou que nenhuma gestão se faz sem pessoas, agradecendo a toda a equipe de servidores que atuam no Centro. “Esse carinho, dedicação, e esse zelo percebido já na entrada do Centro, representa muito bem essa gestão, e é exatamente isso que o Kalil quer, que todos os servidores possam servir com amor, por que os funcionários públicos são destinação do nosso serviço e da razão do nosso existir”.

Dona Noelma Pereira Alves, 75 anos, residente no bairro Ouro Verde, e que participa de várias oficinas no Centro de Convivência Vovô Zeid disse que o local é apropriado para idosos com atividades físicas, culturais e artísticas para todos os gostos. “A criação desse local nos possibilitou uma melhor qualidade de vida e uma convivência harmoniosa entre os participantes. Aqui o tratamento é digno e humano, seria muito bom se existissem mais unidades como essa em todas as regiões de cidade”, elogiou.

A secretária de Assistência Social, Ana Cristina Vieira disse que o Centro de Convivência Vovô Zeid já está sendo referência para outros municípios e isso se deve ao trabalho que vem sendo realizado no local. “Já temos uma lista de espera enorme, mas ainda não temos condições de receber um número maior de inscritos, porém nos orgulhamos em saber que a procura por oficinas aqui na unidade tem sido grande. Temos recebido elogios de pessoas da baixada cuiabana e até de municípios vizinhos de Várzea Grande. Isso demonstra que estamos aplicando as políticas públicas voltadas ao social, em especial a terceira idade”.

No local, estão sendo oferecidas 16 oficinas, dentre elas o de música, teatro, artesanato em EVA, pintura em tela, corte e costura, crochê, hidroginástica e pilates. A capacidade de atendimento é de 150 idosos, mas em função da pandemia, atualmente estão sendo atendidos 100 participantes, sendo 50 no período matutino e 50 no período vespertino. Essa medida é para garantir a segurança dos idosos e dar condições para que desenvolvam suas atividades de forma mais tranquila, e sem deixar de seguir os protocolos de biossegurança.

O Centro de Convivência está localizado no bairro IPASE e funciona de segunda a sexta.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.